Você Controla A Sua Vida Financeira?

A parte de finanças é fundamental na vida de qualquer pessoa, e há até um ditado muito popular a respeito disso: “o dinheiro não traz felicidade, mas ninguém é feliz sem o dinheiro”. No entanto, nem todos conseguem manter uma relação saudável com o seu próprio orçamento, o que pode ser motivo de muita dor de cabeça!

O primeiro passo para se dar bem com seu dinheiro, e ter uma vida financeira mais feliz, é não fazer disso o principal foco. Lembre-se de que é importante ter recursos para conseguir viver bem, mas deixar de relaxar, se divertir e se dedicar à família e aos amigos para trabalhar a fim de ganhar mais, não é um bom caminho.

Para melhorar suas finanças pessoais, também é importante estabelecer metas a médio e longo prazo. Por exemplo, você deseja ter sua própria casa ou automóvel, portanto, deverá se organizar e cortar as despesas mais inúteis para conseguir isso. O ideal é observar todos os meses como a realização desse objetivo está se desenvolvendo, ou seja, se o que você está fazendo é o suficiente.

Cuidado com os apelos feitos pela publicidade, que pretendem induzir você ao consumo desenfreado. Tenha em mente que uma vida financeira mais saudável também está relacionada a conseguir controlar seus instintos e comprar apenas aquilo que é necessário. É claro que, de vez em quando, você pode se dar ao luxo de se presentear com algo que queira muito, mas isso não deve se tornar uma rotina.

Outro ponto fundamental e que prejudica o orçamento de milhares de brasileiros é gastar mais do que recebe. É preciso aprender a viver dentro do padrão de ganhos que você tem naquele momento, por isso, planejamento é a palavra-chave. Ora, você sabe quanto vai receber ao fim do mês, não permita que suas contas ultrapassem esse valor.

O cartão de crédito é outro inimigo da saúde financeira pessoal. Por um lado, é um excelente instrumento de compra, no entanto, se não for bem utilizado, também pode trazer um enorme estresse. Não se iluda pelo limite do cartão, mantenha o controle sempre.